JS Viseu envia livros para Timor


No âmbito da iniciativa da Associação Karingana Wa Karingana (“Era uma vez”) de lançar uma campanha de recolha de livros para enviar para Timor, as 24 estruturas concelhias da Juventude Socialista por todo o distrito, incentivadas pelo Secretariado Federativo (órgão executivo da Federação Distrital), decidiram aderir a esta campanha.
Foram recolhidos cerca de 1000 livros, o que demonstra o grande empenho e dedicação que os jovens socialistas de todo o distrito mostraram por esta causa.
A entrega decorreu durante a tarde do dia 5 de Abril (quinta-feira) na agência dos CTT no centro da cidade de Viseu.

Segundo Rafael Guimarães (Presidente da Federação Distrital da JS), “esta foi uma iniciativa de sucesso com a recolha de 1000 livros e uma grande participação dos jovens socialistas dos 24 concelhos que provou a grande força e mobilização que a JS evidencia por todo o distrito de Viseu”.
José Pedro Gomes (Membro do Secretariado da Federação Distrital da JS com o Pelouro da Educação, e também Coordenador da Concelhia de Viseu da JS) afirmou também que “esta iniciativa não é uma novidade na JS, na medida em que este tipo de atitude marca constantemente a nossa acção”. O valor da solidariedade está na nossa matriz ideológica e na nossa forma de agir por isso, na nossa agenda, continuarão sempre a existir iniciativas como esta.”
Esta iniciativa dos jovens socialistas reviu-se nos objectivos estabelecidos pela Associação Karingana Wa Karingana e na forma como escolheram o livro, como fonte de inspiração para o saber, para o querer, como maior símbolo da nossa língua, do português, que é uma das maiores riquezas da lusofonia. Tudo isto no sentido de levar um futuro mais próspero à população de Timor.

Sem comentários:

Enviar um comentário