“Charlatão” Passos Coelho continua a dar tiros nos seus próprios pés!

Tudo corre mal ao PSD e a Pedro Passos Coelho. É evidente que será mais um líder de passagem pela São Caetano à Lapa. Pelas contas, desde que José Sócrates é Secretário-Geral do PS, é o quinto!

Na entrevista à TVI de dia 11, assumia que se tinha encontrado com o Primeiro-Ministro em São Bento, aliás, foi a grande novidade. O encontro aconteceu mesmo e durou algumas horas! Caso não se recordem, Passos Coelho, numa primeira versão, dizia que tinha sido informado por telefone das intenções do Governo em novas medidas de austeridade (ler página 5 da hiperligação), numa segunda versão, "que não iam suficientemente longe"!

(ver vídeo)

Será esta a origem de uma crise política para não voltar a pedir desculpa a todos os portugueses? É que, em Setembro de 2010, Passos Coelho jurava publicamente aos portugueses que não voltaria a reunir-se mais a sós com Sócrates!

Portanto, Portugal ficou a saber que o Primeiro-Ministro tentou mesmo negociar com Passos Coelho. Sócrates saiu convencido desse encontro que poderia existir abertura do PSD para viabilizarem o PEC IV, exigido e elogiado por Bruxelas. No dia seguinte a vergonha no Parlamento, o chumbo do Plano de Estabilidade e Crescimento que levou o país a uma crise política e com isso, a intervenção do FMI no nosso país. - Lamentável!

O que terá mudado tão rapidamente no PSD depois da reunião em São Bento? Fica a pergunta com uma resposta muito simples, “sede de ir ao pote”!

Será que os portugueses podem confiar neste PPD/PSD?
‘Catrogamente’ que... Não!



Partilhar

1 comentário:

  1. Como disse o Napoleão "Nunca interrompas o inimigo quando ele está a fazer um erro".
    Deixem o Passos continuar que ele vai no bom caminho.

    ResponderEliminar